Arquivos de vendas Externas - CSV

Arquivo de Transações para Upload

O arquivo de transações para upload é um arquivo de texto, mais especificamente um arquivo de valores separados por ponto-e-vírgula (CSV). As informações são guardadas em três tipos de registros, Header, Transação e Trailer.

Registro Header

Apenas um registro deste tipo é permitido por arquivo. O registro header deve estar na primeira linha do arquivo. O registro segue o seguinte padrão:

[Tipo de Registro];[Versão do Layout];[Período Inicial];[Período Final]

Campo Tamanho Descrição
Tipo de Registro 1 Tipo de registro. Para o Header, este valor será sempre 0.
Versão do layout 3 Identifica qual a versão do layout do arquivo. A versão mais atual é 001.
Período Inicial 8 Identifica a data que corresponde à data da transação mais antiga contemplada no arquivo. Formato “yyyyMMdd”.
Período Final 8 Identifica a data que corresponde à data da transação mais recente contemplada no arquivo. Formato “yyyyMMdd”.

Registro Transação

Cada transação feita pela loja será demonstrada nesse registro, que se repetirá quantas vezes forem necessárias, a partir da linha 2 (logo após o Header). O registro segue o seguinte padrão:

[Tipo de Registro];[Pedido];[Afiliação];[Adquirente];[TID];[NSU/DOC];[Código de Autorização] ; [Número do Cartão];[Valor];[Quantidade de Parcelas];[Data da Venda];[Hora da venda] ; [Identificador da filial]

Campo Tipo Tamanho Descrição
Tipo de Registro Domínio2 N/A Tipo de registro. Para a transação, este valor será sempre 1.
Pedido Texto 0~64 Número do pedido.
Afiliação1 Inteiro3 N/A Código de afiliação na adquirente.
Adquirente1 Domínio2 N/A Identificador da adquirente.
1 = Cielo
2 = Redecard
3 = Amex
4 = Losango
5 = GetNet
TID Texto 0~20 TID da transação.
NSU/DOC1 Inteiro longo4 N/A NSU/DOC da transação.
Código de autorização Texto 0~6 Código de autorização da transação.
Número do cartão Texto 0~24 Número do cartão utilizado na transação (mascarado conforme normas PCI).
Valor1 Inteiro3 N/A Valor da transação em centavos.
Quantidade de parcelas1 Byte5 N/A Quantidade de parcelas em que a transação foi dividida. 1 = Transações à vista
Data da venda Domínio2 8 Data da venda da transação. Formato “yyyyMMdd”.
Hora da venda Domínio2 8 Hora da venda da transação. Formato “HH:mm:ss”.
Identificador da filial1 Texto 0~256 Identificador da filial da loja.
Documento do cliente Texto 0~32 Numero do documento de identificação do cliente.
Nome do cliente Texto 0~256 Nome do cliente.
Email do cliente Texto 0~256 Email de contato do cliente.

Legenda:

  1. Campo obrigatório.
  2. O tipo de dados deste campo deve seguir restritamente o formato expresso na descrição.
  3. O tipo inteiro aceita como um número válido qualquer valor entre -2.147.483.648 e 2.147.483.647. Entretanto, regras de domínio adicionais podem existir para os campos (o código de afiliação deve ser válido na adquirente, por exemplo).
  4. O tipo inteiro longo aceita como um número válido qualquer valor entre – 9.223.372.036.854.775.808 e 9.223.372.036.854.775.807. Entretanto, regras de domínioadicionais podem existir para os campos (o NSU da transação deve ser válido na adquirente, por exemplo).
  5. O tipo byte aceita como um número válido qualquer valor entre 0 e 255. Entretanto, regras de domínio adicionais podem existir para os campos (a parcela da transação deve ser no mínimo 1, por exemplo).

Informações Adicionais:

Registro Trailer

Apenas um registro deste tipo é permitido por arquivo. O registro trailer deve estar na última linha do arquivo. O registro segue o seguinte padrão:

[Tipo de Registro];[Quantidade de registros]

Campo Tamanho Descrição
Tipo de Registro 1 Tipo de registro. Para o Trailer, este valor será sempre 2.
Quantidade de registros N/A Quantidade de registros (exceto Header e Trailer) no arquivo.

Formas de envio

Atualmente o conciliador Braspag oferece 3 (treis) formas de envios para os arquivos de vendas:

Transferência Manual: Upload de arquivos na aplicação.

Pre-Requisitos:

Agora basta selecionar a loja, e realizar o upload escolhendo o arquivo que deseja transmitir de sua máquina. Para iniciar a transmissão click em “Efetuar upload”.

Transferência automática: Configuração de SFTP

É possivel alimentar o conciliador com os dados de vendas, através desse protocolo de rede que fornece acesso a arquivos , transferência de arquivos e gerenciamento de arquivos sobre qualquer fluxo de dados confiável. Porém para que seja possível a realização da automação, esse processo exige alguns pré-requisitos:

Transferência de arquivos automática via Webservice:

URL: https://reconciliation.braspag.com.br/WebServices/ReconciliationFilesWebservice.asmx

Método: SendTransactionFile

Parâmetro Tipo Descrição Condição
RequestId Guid Identificador da requisição Campo obrigatório
MerchantId Int Identificador da loja Campo obrigatório
RequestingUserName String Nome do usuário vinculado a loja Campo obrigatório
RequestingPassword String Senha do usuário Campo obrigatório
FileContent String Conteúdo do arquivo em binário Campo obrigatório

OBS: Os dados desse arquivo são codificados como um “array” de bytes, ou seja, deverá ser enviado os bytes do arquivo.

A solução para isso é utilizar a codificação Base64. Esse tipo de codificação é o padrão usado quando se deseja fazer transferência de dados binários utilizando texto como a fonte do meio de comunicação. Em outras palavras, essa codificação é capaz de representar conteúdo de texto em forma de binário.

Para gerar o conteúdo do FileContent, é preciso primeiro saber codificar um dado textual em Base64. Existem documentos na internet explicando todo o processo conversão. A maioria das linguagens de programação atualmente já possuem algum framework integrado com alguma função que faça a codificação/decodificação.

Referência: Caso o cliente queira codificar/decodificar um conteúdo como teste, ele pode acessar este site:

http://www.base64decode.org/

Request

Response

Tipos de erro

Quando o valor da TAG for igual a false, a coleção de será retornada de acordo com um ou mais códigos de erros. Vide tabela abaixo.

Código Descrição
24 RequestId inválido.
26 Arquivo de transações de loja inválido. (Qualquer erro no conteúdo do arquivo.)
39 Erro interno do sistema.
42 Um MerchantId válido não foi especificado. É necessário especificar o identificador da loja.
43 Um conteúdo válido não foi especificado para o aruqivo. É necessário especificar o valor de FileContent.
44 Acesso não autorizado no IP para a loja fornecida na requisição.
46 O usuário é inválido ou não tem acesso à loja especificada.

Exemplo

Arquivos Fluxo de Caixa 2.0 - XML

Introdução

Este manual tem como objetivo orientar o desenvolvimento do Arquivo de Fluxo de Caixa da plataforma conciliador no formato XML, e a extração do seu conteúdo através do Webservice

Legenda para os tipos de formato

Tipos de Formato (Tabela II)

Descritor Significado Exemplo
N Um ou mais algarismos (0 a 9) 243
A Um ou mais caracteres alfanuméricos Texto
{N} Um único algarismo (0 a 9) 2
{A} Identificador Único Global (GUID)1 B
G Hora em campo data/hora (0 a 23) 4749e676-2507-442da1c6c25c08e2d2af
DT Data e hora, representados no formato ISO 86012 2015-06-09T10:08:19.1748259-03:00
D Data, representada no formato ISO 86012 2015-06-09
  1. Um Identificador Único Global ou GUID (do inglês, Globally Unique IDentifier) é um tipo especial de identificador utilizado em aplicações de software para providenciar um número de referência padrão mundial. Como, por exemplo, em uma definição de referência interna para um tipo de ponto de acesso em uma aplicação de software ou para a criação de chaves únicas em um banco de dados. O número total de chaves únicas (2128 ou ~3.4×1038) é tão grande que a probabilidade do mesmo número se repetir é muito pequena. Considerando que o Universo Observável contém 5x1022 estrelas, cada estrela poderia ter ~6.8×1015 dos seus próprios GUIDs. Caso seu sistema não reconheça o formato GUID, poderá trata-lo como texto.

  2. O formato ISO 8601 é o formato de data padrão existente na recomendação oficial para Schemas XML (http://www.w3.org/TR/xmlschema-2/#dateTime). Ele consiste na representação da data no formato yyyy-MM-dd. Caso o campo também tenha a informação de hora, a data vem seguida da letra “T” para separa-la da hora, no formato HH:mm:ss:mmmmmmm, seguida finalmente pela diferença de fuso horário. Para mais informações da ISO 8601 podem ser consultadas em:

http://en.wikipedia.org/wiki/ISO_8601.

Informações sobre as adquirentes

O principal insumo do Conciliador são os extratos eletrônicos gerados pelas adquirentes. Devido a isso, podem existir particularidades entre cada uma.
Abaixo a estimativa de dias em que a adquirente envia os eventos no extrato eletrônico:

Prazo de registro no extrato eletrônico (Tabela II)

Adquirente Captura Pagamento Observação
Cielo D+1 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Rede D+1 D -1 Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Amex Entre D+1 à D+2 Entre D-4 à D-6 *Desconsiderar do prazo a segunda feira, pois os extratos não são gerados. Nestes dias o arquivo do Conciliador será disponibilizado somente com o header.
Getnet D+1 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Ticket D+30 ajustada ao dia de recebimento do cliente D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Sodexo D+30 ajustada ao dia de recebimento do cliente D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Stone Cartão de Débito: D+1 - Cartão de Crédito: D+30 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Global Collect Cartão de Débito: D+1 - Cartão de Crédito: D+30 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
First Data Cartão de Débito: D+1 - Cartão de Crédito: D+30 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta

Registro Header (Tabela III)

Campo Nome Tipo Formato Descrição
MerchantId Identificador da Loja Numérico (Inteiro) N Contém o identificador único da loja no Conciliador
AcquirerId Identificador da Adquirente Numérico (Inteiro) {N} 1 = Cielo
2 = Redecard
3 = Amex
5 = Getnet
6 = Ticket
7 = Stone
8 = Sodexo
9 = Global Payments
10 = First Data
GenerationDateTime Geração do arquivo Data/Hora DT Contém a data e a hora da geração do arquivo pelo Conciliador
StartPeriod Período inicial Data D Data inicial do período de conciliação contemplado pelo arquivo
EndPeriod Período final Data D Data final do período de conciliação contemplado pelo arquivo
SequentialNumber Número sequencial Numérico (Inteiro) N Número sequencial que indica a ordem de processamento dos arquivos diários
ProcessingTypeId Identificador do tipo de processamento Numérico (Inteiro) {N} 1 = Arquivo diário
2 = Arquivo reprocessado
ProcessingType Descrição do tipo de processamento Alfanumérico A “Daily” ou “Reprocessed” (Diário ou reprocessado)
Version Versão do arquivo Alfanumérico A Versão do arquivo (“2.0”)

Registro de Transação Conciliada (Tabela IV)

Campo Nome Tipo Formato Descrição
ConciliationTypeId Identificador do tipo de conciliação Numérico (Inteiro) {N} 1 = Automática
2 = Manual
ConciliationType Descrição do tipo de conciliação Alfanumérico A “Automatic” ou “Manual” (Automática ou manual)

Registro de Conciliação Manual (Tabela V)

Campo Nome Tipo Formato Descrição
ConciliationUserName Usuário da conciliação manual Alfanumérico A Login do usuário que efetuou a conciliação manual
ConciliationDateTime Data e hora da conciliação manual Data/Hora DT Data e hora em que a conciliação manual foi efetuada pelo usuário

Registro de Informação de Venda

Campo Nome Tipo Formato Descrição
TransactionId Identificador Único da Venda no Conciliador Identificador Único Global (GUID) G Identificador único do Conciliador para as informações de venda1
ExternalId Identificador da Venda no Sistema Transacional Alfanumérico A Identificador da Venda obtido a partir do Sistema Transacional no qual a Transação foi processada com a Adquirente-2
BranchId Identificador da Filial Alfanumérico A Identificador da Filial da loja que processou a venda-3
AffiliationCode Código de Afiliação Alfanumérico A O código de afiliação da adquirente, informado nos dados da venda do cliente
OrderId Número do Pedido Alfanumérico A O número do pedido associado à venda no lojista-4
AuthorizationCode Código de Autorização Alfanumérico A O Código de Autorização da transação que o Lojista recebeu da Adquirente
SaleDate Data da Venda Data D A data em que foi realizada a venda no Lojista
CaptureDate Data da Captura Data D A data da captura recebida pelo lojista da Adquirente
TransactionAmount Valor da transação Numérico (Inteiro) N O valor da transação em centavos5
InstallmentCount Número de parcelas Numérico (Inteiro) N A quantidade de parcelas na qual a transação foi dividida
CustomerName Nome do comprador Alfanumérico A O nome do comprador do produto
CustomerDocument Documento do comprador Alfanumérico A Documento de identificador do comprador (RG, CPF, etc.)
CustomerEmail E-mail do comprador Alfanumérico A Endereço de e-mail do comprador
CardNumber Número do cartão Alfanumérico A Número do cartão (crédito ou débito) utilizado na venda
Tid TID Alfanumérico A Identificador da transação ecommerce na Cielo, recebido pelo lojista
Nsu NSU Número N Número sequencial da transação na Adquirente, recebido pelo lojista
IataAmount Valor da taxa IATA Número N Valor da taxa IATA (apenas para setor aéreo), em centavos
PaymentMethodName Tipo de Integração Alfanumérico A Nome do meio de pagamento utilizado no caso da transação efetuada no gateway Pagador
  1. As informações de venda são as transações enviadas pelo cliente do mundo físico, ou do gateway/sistema transacional utilizado para efetuar as transações. São a primeira parte da conciliação. O Identificador Único da Venda pode ser utilizado para visualizar a venda no WebSite do Conciliador, preenchendo a URL:

https://reconciliation.braspag.com.br/WebSite/Reports/TransactionDetails.aspx?SaleTransactionId=[ID]

OBS:Onde o texto [ID] deve ser substituído pelo identificador informado no registro.

  1. O identificador da Venda no Sistema Transacional é o Identificador da Transação que é utilizado pelo sistema que efetuou a venda, seja ele um Gateway ou Sistema de Caixa/POS. Este valor pode ou não ser fornecido durante a importação da venda para o Conciliador. É de responsabilidade do cliente a decisão de informá-lo ou não.
  2. O identificador da Filial deve ser fornecido pelo cliente toda vez que a importação de uma venda é realizada para o Conciliador. Apesar de não haver restrições para o formato do identificador da filial (campo Alfanumérico), é obrigatório que cada Filial possua um identificador único.
  3. O Gerenciamento do Número do Pedido é de inteira responsabilidade do lojista. O Conciliador apenas armazena esta informação, mas nenhum tipo de validação é feito.
  4. O Valor da Transação não é o valor das parcelas. O valor informado aqui é o valor integral da mesma, da forma como informado pelo cliente/gateway.

Registro de Informação da Adquirente

Campo Nome Tipo Formato Descrição
TransactionId Identificador Único da Transação no Conciliador Identificador Único Global (GUID) G Identificador Único das Informações da Adquirente1
AffiliationCode Código de Afiliação Numérico N O Código de Afiliação informado na venda do Extrato
SummaryNumber Número do Lote Numérico (Inteiro) N O número do Lote (Resumo de Vendas) ao qual a transação pertence na Adquirente
CardNumber Número do Cartão Alfanumérico A O número do cartão usado na compra2
SaleDate Data da Venda Data D A data em que a venda foi efetuada, segundo as informações do extrato
TransactionGrossAmount Valor bruto da Transação Numérico (Inteiro) N Valor bruto da transação em centavos
TransactionTaxAmount Valor da taxa de adquirência deduzido da transação Numérico (Inteiro) N Valor deduzido do valor bruto da transação como taxa de adquirência, em centavos
TransactionNetAmount Valor líquido da transação Numérico (Inteiro) N Valor que será recebido pelo lojista, após a dedução da taxa de Adquirência sobre o valor bruto, em centavos
RoundingInstallmentGrossAmount Valor bruto da parcela de arredondamento Numérico (Inteiro) N Valor bruto da parcela de arredondamento, em centavos3
RoundingInstallmentTaxAmount Valor da taxa de adquirência deduzido da parcela de arredondamento Numérico (Inteiro) N Valor deduzido do valor bruto da parcela de arredondamento como taxa de adquirência, em centavos
RoundingInstallmentNetAmount Valor líquido da parcela de arredondamento Numérico (Inteiro) N Valor que será recebido pelo lojista como valor da parcela de arredondamento, após a dedução da taxa de adquirência
InstallmentsGrossAmount Valor bruto das demais parcelas Numérico (Inteiro) N Valor bruto das demais parcelas da transação, em centavos
InstallmentsTaxAmount Valor da taxa de adquirência deduzido das demais parcelas Numérico (Inteiro) N Valor deduzido do valor bruto das demais parcelas como taxa de adquirência, em centavos
InstallmentsNetAmount Valor líquido das demais parcelas Numérico (Inteiro) N Valor que será recebido pelo lojista como valor das demais parcelas, após a dedução da taxa de adquirência
Tax Taxa de adquirência Numérico (Inteiro) N A taxa de adquirência sobre a transação4
Tid TID Alfanumérico A O identificador da transação ecommerce na adquirente Cielo
Nsu NSU Numérico (Inteiro) N O número sequencial da transação na Adquirente
IataAmount Valor da taxa IATA Numérico (Inteiro) N O valor da taxa IATA (apenas para setor aéreo), cobrado sobre a transação, em centavos
OrderId Número do Pedido Alfanumérico A O Número do Pedido recebido pela adquirente durante a concretização da transação
TerminalLogicNumber Número lógico do Terminal Alfanumérico A O número do terminal utilizado para efetuar a transação
CaptureDate Data de Captura Data D A data da captura da transação na Adquirente
SummaryIdentifierNumber Identificador Único do Lote Numérico (Inteiro Longo) N O identificador único do Lote (Resumo de Vendas) na adquirente Cielo
InstallmentCount Quantidade de Parcelas Númerico (Inteiro) N A quantidade de parcelas na qual a transação foi dividida na Adquirente
AuthorizationCode Código de Autorização Alfanumérico A O código de autorização da transação informado pela adquirente
CaptureMethodId Identificador do Meio de Captura Numérico (Inteiro) N O identificador do meio tecnológico utilizado para capturar a transação na Adquirente5
CaptureMethodDescription Descrição do Meio de Captura Alfanumérico A A descrição do meio tecnológico utilizado para capturar a transação na Adquirente5
CardBrandId Identificador da Bandeira Numérico (Inteiro) N O identificador da bandeira do cartão utilizado para efetuar a transação6
CardBrand Nome da Bandeira Alfanumérico A O nome da bandeira do cartão utilizado para efetuar a transação6
CardTypeId Identificador do tipo do cartão Numérico (Inteiro) N O identificador do tipo do cartão: - 1: Debit - 2: Credit
CardType Tipo de cartão Alfanumérico A O nome do tipo do cartão utilizado para efetuar a transação
ProductIdentifierCode Código de Identificação do Produto na Cielo Numérico (Inteiro) N O código que identifica o Produto da Adquirente Cielo utilizado para efetuar a transação7
ProductIdentifierDescription Descrição do Produto na Cielo Alfanumérico A A descrição do Produto na Adquirente Cielo utilizado para efetuar a transação7
  1. As informações da adquirente são os dados da venda que o Conciliador recebe dos extratos eletrônicos, o meio de integração da adquirente com os sistemas externos. São a segunda parte da conciliação. O Identificador Único da Transação pode ser utilizado para visualizar a venda no WebSite do Conciliador, preenchendo a URL:

https://reconciliation.braspag.com.br/WebSite/Reports/TransactionDetails.aspx?AcquirerTransactionId=[I D]

Onde o texto [ID] deve ser substituído pelo identificador informado no registro.

  1. Devido à restrições de segurança, o número do cartão será informado de forma mascarada.
  2. Quando uma transação é dividida em uma quantidade de parcelas onde o valor não pode ser distribuído igualmente entre as parcelas, surge a necessidade de colocar um valor extra em uma parcela específica. Esta parcela é chamada de parcela de arredondamento. Como exemplo, podemos adotar uma transação de R$ 100,00 dividida em três parcelas. Se a primeira parcela for a parcela de arredondamento, ela terá o valor de R$ 33,34 – enquanto as duas outras parcelas terão o valor de R$ 33,33.
  3. A taxa de adquirência normalmente é expressa em porcentagem. O campo demonstra essa porcentagem multiplicada por 100. Portanto, se o valor deste campo for expresso como 275, isto indica uma taxa de adquirência de 2,75%.
  4. Tabelas com os meios de captura informados estão disponíveis no Apêndice do Manual.
  5. Uma tabela com as bandeiras disponíveis está disponível no Apêndice do Manual.
  6. Uma tabela com os tipos de produto está disponível no Apêndice do Manual.

Registro de Evento

Campo Nome Tipo Formato Descrição
EventId Identficador Único do Evento no Conciliador Identificador Único Global (GUID) G O identificador único do do Evento no Conciliador2
EventDate Data do evento Data D A data em que o evento está previsto para ser realizado, ou a data em que foi realizado (no caso de evento realizado)
CategoryId Identificador da Categoria de Evento Numérico (Inteiro) N O identificador da categoria do evento3
Category Descrição da Categoria de Evento Alfanumérico A A descrição da categoria do evento3
TypeId Identificador do Tipo de Evento Numérico (Inteiro) {N} 1 = Realizado
2 = Previsto
3 = Pendente
Type Descrição do Tipo de Evento Alfanumérico A “Preview”, “Realized” ou “Pending” (Previsto, realizado ou pendente)
AffiliationCode Código de Afiliação Numérico N O código de afiliação do estabelecimento no qual o evento foi executado
TransactionInstallment Parcela da Transação Numérico N A parcela da transação a qual o evento se refere4
GrossAmount Valor Bruto Numérico N O valor financeiro do evento contemplado, antes da dedução da taxa de adquirência, em centavos
NetAmount Valor Líquido Numérico N O valor líquido do evento, após a redução da taxa de adquirência, em centavos
TaxAmount Valor da Taxa Numérico N O valor da taxa de adquirência sobre o evento, em centavos
Bank Banco Numérico N O código do banco do domicílio bancário sobre o qual o evento financeiro é ou será lançado
Agency Agência Numérico N O código da agência do domicílio bancário sobre o qual o evento financeiro é ou será lançado
Account Número da Conta Alfanumérico A O número da conta do domicílio bancário sobre o qual o evento financeiro é ou será lançado
AcquirerAdjustCode Código do Ajuste Alfanumérico A O código que identifica o tipo de ajuste (apenas para eventos de ajustes)
AcquirerAdjustDescription Descrição do Ajuste Alfanumérico A A descrição do ajuste (apenas para eventos de ajustes)
AnticipationOperationNumber Número da Operação de Antecipação na Cielo Numérico N O número da Operação de Antecipação (apenas para eventos derivados de antecipações na Cielo)
OriginalPaymentDate Data original de pagamento Data D A data original para a qual o evento de pagamento estava previsto (apenas para eventos de antecipações)

Meios de Captura

Cielo

Código/Identificador Descrição
1 POS
2 PDV/TEF
3 E-Commerce
4 EDI
5 ADP/BSP
6 Manual
7 URA/CVA
8 Mobile
9 Moedeiro Eletrônico

Amex

Código/Identificador Descrição
1 Rede AE – Manual
2 Rede AE – EDI
3 Rede AE – BSP
4 Rede AE – TEF
11 Cielo – POS
12 Cielo – TEF
13 Cielo – Autorização Manual
14 Cielo – URA
15 Cielo – EDI
16 Cielo – GDS
17 Cielo – E-Commerce
18 Cielo – Mobile
99 Legado – Versão anterior do extrato

Rede

Código/Identificador Descrição
1 Manual
2 POS
3 PDV
4 TO
5 Internet
6 Leitor de Trilha
9 Outros

GetNet

Código/Identificador Descrição
0 TEF
1 POS
2 Manual
3 Internet

Outros

A tabela abaixo é valida para:

Observação: Para a adquirente Losango o campo é enviado “vazio”

Código/Identificador Descrição
0 N/D
1 N/A
2 POS
3 PDV/TEF
4 E-Commerce
5 EDI
6 Manual
7 Mobile
8 Outros

Bandeiras

Código/Identificador Descrição
0 Desconhecido/Indefinido
1 VISA
2 Mastercard
3 ELO
4 Diners
5 Cabal
6 Hipercard
7 Amex
8 Sicred
9 Cup
10 Agiplan
11 Banesecard
12 SoroCred
13 CredSystem
14 Esplanada
15 CredZ
16 Losango
17 AVista
18 Hiper
19 JCB
20 Aura
21 Alelo
22 Ticket
23 Sodexo

Tipos de Produtos

Cielo

Código/Identificador Descrição
1 Agiplan crédito à vista
2 Agiplan parcelado loja
3 Banescard crédito à vista
4 Banescard parcelado loja
5 Esplanada crédito à vista
6 CredZ crédito à vista
7 Esplanada parcelado loja
8 Credz parcelado loja
9 Elo Crediário
10 MasterCard crédito à vista
11 Maestro
12 MasterCard parcelado loja
13 Elo Construcard
14 Elo Agro Débito
15 Elo Agro Custeio
16 Elo Agro Investimento
17 Elo Agro Custeio + Débito
18 Elo Agro Investimento + Débito
19 Discover crédito à vista
20 Diners crédito à vista
21 Diners parcelado loja
22 Agro Custeio + Electron
23 Agro Investimento + Electron
24 FCO Investimento
25 Agro Electron
26 Agro Custeio
27 Agro Investimento
28 FCO Giro
33 JCB
36 Saque com cartão de Débito VISA
37 Flex Car Visa Vale
38 CredSystem crédito à vista
39 CredSystem parcelado loja
40 Visa Crédito à Vista
41 Visa Electron Débito à Vista
42 Visa Pedágio
43 Visa Parcelado Loja
44 Visa Electron Pré-Datado
45 Alelo Refeição (Bandeira Visa/Elo)

Getnet

Código/Identificador Descrição
1 Título
2 Convênio
3 Crédito Digital
00/CE Cupom Eletrônico
CP Cupom Papel
SM Cartão de Crédito MASTERCARD
SV Cartão de Crédito VISA
SR Cartão de Débito MAESTRO
SE Cartão de Débito VISA ELECTRON
PV Pagamento Carnê – Débito VISA
ELECTRON  
PM Pagamento Carnê – Débito MAESTRO
PR Pagamento Recorrente

Stone

Código/Identificador Descrição
1 Crédito Visa
2 Crédito Master
4 Crédito Elo
15 Crédito Hipercard
35 Mastercard Maestro
36 Visa Electron
38 Débito Elo
39 Débito Hipercard

Global Payments

Código/Identificador Descrição
1 Crédito Visa
2 Crédito Master
35 Mastercard Maestro
36 Visa Electron

First Data

Código/Identificador Descrição
1 Crédito Visa
2 Crédito Master
4 Crédito Elo
11 Crédito Cabal
35 Mastercard Maestro
36 Visa Electron
37 Débito Cabal
38 Débito Elo

Ticket

Código/Identificador Descrição
24 Ticket Refeição
25 Ticket Alimentação
26 Ticket Parceiro
27 Ticket Cultura

Sodexo

Código/Identificador Descrição
28 Sodexo Refeição
29 Sodexo Alimentação
30 Sodexo Gift
31 Sodexo Premium
32 Sodexo Cultura

Categorias de Evento

Código/Identificador Descrição
1 Ajuste
2 POS
3 Captura
4 Pagamento
5 Pgto. Lote
6 Aceleração
8 Estorno
9 Chargeback
10 Antecipação
11 Antecip. Lote
13 Reagendamento
14 Custo de Operação de Antecipação
15 Valor Retido
16 Pagamento de Valor Retido
17 Débito de Valor Retido
19 Arredondamento de Parcelas
20 Estorno Antecipado
21 Ajuste Indefinido
22 Débito Acumulado
25 Pagamento de Aceleração Antecipada
26 Débito de Antecipação de Aceleração
29 Antecipação de Chargeback
30 Antecipação de Aluguel de POS
31 Antecipação de Ajustes Lote
32 Antecipação de Estornos Lote
33 Antecipação de Chargeback Lote

Webservice Conciliador

Webservice é uma solução para integrar aplicações. Por meio dele, qualquer sistema pode se conectar para consultar ou inserir dados. Atualmente no Webservice do Conciliador é possível enviar o arquivo de vendas externas e baixar o conteúdo dos Arquivos de Fluxo de Caixa.

Inicialmente o acesso deverá ser liberado pela equipe de operações, através do e-mail, senha e o cadastro dos IPs informados pelo estabelecimento.

O Webservice está disponível através da URL:

https://reconciliation.braspag.com.br/WebServices/ReconciliationFilesWebService.asmx

Método: GetExportedFileV2

Request

   
      
      
         
            
            [Guid aleatório]   
            [Login do usuário da loja]   
            [Identificador da loja, fornecido pela Braspag]   
            [Identificador da adquirente]   
            [Senha do usuário da loja]   
            [Data de referência do arquivo]   
            [Extensão do arquivo]   
            [Tipo do arquivo]   
            
         
     
Descritor Significado Exemplo
RequestId Identificador Único Global (GUID) 4749e676-2507-442da1c6c25c08e2d2af
RequestingUserName Login do usuário da loja user@braspag.com.br
MerchantId Identificador da loja no Conciliador 123
AcquirerId Identificador da adquirente 1=Cielo
2=Rede
3=Amex
4=Losango
5=Getnet
RequestingPassword Senha do usuário da loja Braspag@2015
ReferenceDate Data de referência do Arquivo (yyyy-mm-dd) 12/06/2015
FileExtensionType Formato do Arquivo 1=CSV
2=XML
FileType Tipo de Arquivo 1=Arquivo de Conciliação

Response


--Bem sucedido

       
         
            
            124be5db-a809-47e1-b456-1f2e103caa17   
            true                  
             QXJxdWl2byBkZSB0ZXN0ZSBjb25jaWxpYWRvcg==   
            
         
      
   

-- Mal Sucedida   

       
         
            
            124be5db-a809-47e1-b456-1f2e103caa17   
            false   
               
                  
                  44   
                  Acesso não autorizado do IP para a loja fornecida na requisição.   
               
            
         
      
   
Descritor Descrição Exemplo
CorrelatedId GUID enviado na requisição 4749e676-2507-442d-a1c6-c25c08e2d2af
Success Indica se a operação foi concluída. false/true
ErrorReportCollection Coleção de erros que será retornada em caso de Sucess=”false” ErrorReport.Code = 39,ErrorReport.Message = “Erro interno do sistema”.
ErrorReport.Code Código de erros para Sucess=”false” 39/44/46
ErrorReport.Message Mensagem de erro correspondente ao código informado 39 - Erro interno do sistema.
44 - Acesso não autorizado, IP não cadastrado
46 - Usuário incorreto, e/ou não tem acesso a loja.
FileContent Para requisições com Sucess=”true”, será enviado o conteúdo binário codificado na base64 UTF-8 QXJxdWl2byBkZSB0ZXN0ZSBjb25jaWxpYWRvcg==

Apêndice:

Utilizando o arquivo de Schema Definition (XSD)

Uma forma de integração com o Arquivo de Fluxo de Caixa do Conciliador no formato XML de maneira programada ou automática, é feita através do arquivo de definição de esquema, ou XML Schema Definition File.

O XML Schema é uma linguagem baseada no formato XML para definição de regras de validação (“esquemas”) em documentos no formato XML. Foi a primeira linguagem de esquema para XML que obteve recomendação por parte do W3C. Esta linguagem é uma alternativa ao DTD, cuja sintaxe não é baseada no formato XML.
Foi amplamente utilizado para desenvolvimento da NF-e (Nota Fiscal Eletrônica) Brasileira.

Um arquivo contendo as definições na linguagem XML Schema é chamado de XSD (XML Schema Definition), este descreve a estrutura de um documento XML.

O conciliador possui arquivos XSD para cada um de seus arquivos em XML. Desta forma, é possível, programaticamente compreender a estrutura do XML, supondo que o arquivo XSD seja corretamente interpretado pela ferramenta.

Neste manual, não serão citadas todas as formas de se trabalhar com o arquivo, entretanto, podemos demonstrar, através da utilização de uma ferramenta provida pela IDE de desenvolvimento Visual Studio, como gerar, programaticamente uma Classe em código-fonte que pode representar o conteúdo do arquivo.

Desta forma, será possível deserializar o conteúdo de qualquer arquivo dentro desta classe, e com isto utilizar os arquivos de conciliação em um sistema com código orientado a objetos.

Criando a classe do arquivo por meio do arquivo de definição de esquema
Com os arquivos de definição de esquema, você deverá utilizar uma ferramenta que pode ser acessada à partir da linha de comando da IDE do Visual Studio (Visual Studio Command Prompt). O nome do executável é “xsd” (sem aspas).

O executável possui uma série de parâmetros para customizar a geração da sua classe a partir do arquivo de definição de esquema. Caso você queira ver todas as opções, consulte a URL https://msdn.microsoft.com/en-us/library/x6c1kb0s(v=VS.100).aspx.
No exemplo abaixo, utilizamos o comando para gerar a classe da forma mais básica. Acesse o diretório onde os arquivos de esquemas estão salvos(normalmente são dois arquivos, “ConciliationFile.xsd” e “Guid.xsd”), usando o comando CD do DOS. Uma vez dentro deste diretório, basta executar o comando conforme abaixo: xsd

ConciliationFile.xsd Guid.xsd /classes

Um exemplo do efeito disto na linha de commando é demonstrado na imagem abaixo. A classe gerada terá o nome “ConciliationFile_Guid.cs”. Esta classe pode ser inserida em um projeto na linguagem C#, e com algumas alterações pode representar o conteúdo do arquivo por meio de deserialização.
Consulte o suporte de sua linguagem de desenvolvimento para verificar se a mesma possui algum tipo de automatização para interpretar a leitura do arquivo em XML. Isto pode facilitar seu processo de desenvolvimento e aprendizado do layout do mesmo

Arquivos Fluxo de Caixa 2.0 - CSV

Este manual tem como objetivo orientar o desenvolvimento do Arquivo de Fluxo de Caixa da plataforma conciliador no formato CSV, e a extração do seu conteúdo através do Webservice.

Legenda para os tipos de formato

Descritor Significado Exemplo
N Um ou mais algarismos (0 a 9) 243
A Um ou mais caracteres alfanuméricos Texto
{N} Um único algarismo (0 a 9) 2
{A} Um único caractere alfanumérico B
HH Hora em campo data/hora (0 a 23) 22
mm Minuto em campo data/hora (0 a 59) 23
ss Segundo em campo data/hora (0 a 59) 35
dd Dia em campo data/hora (1 a 31) 28
MM Mês em campo data/hora (1 a 12) 10
yyyyy Ano em campo data/hora 2015
G Identificador Único Global (GUID)1 4749e676-2507-442d-a1c6-c25c08e2d2af
  1. Um Identificador Único Global ou GUID (do inglês, Globally Unique IDentifier) é um tipo especial de identificador utilizado em aplicações de software para providenciar um número de referência padrão mundial. Como, por exemplo, em uma definição de referência interna para um tipo de ponto de acesso em uma aplicação de software ou para a criação de chaves únicas em um banco de dados. O número total de chaves únicas (2128 ou ~3.4×1038) é tão grande que a probabilidade do mesmo número se repetir é muito pequena. Considerando que o Universo Observável contém 5x1022 estrelas, cada estrela poderia ter ~6.8×1015 dos seus próprios GUIDs. Caso seu sistema não reconheça o formato GUID, poderá trata-lo como texto

Informações sobre as adquirentes

O principal insumo do Conciliador são os extratos eletrônicos gerados pelas adquirentes. Devido a isso, podem existir particularidades entre cada uma.
Abaixo a estimativa de dias em que a adquirente envia os eventos no extrato eletrônico.

Prazo de registro no extrato eletrônico (Tabela II)

Adquirente Captura Pagamento Observação
Cielo D+1 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Rede D+1 D -1 Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Amex Entre D+1 à D+2 Entre D-4 à D-6 *Desconsiderar do prazo a segunda feira, pois os extratos não são gerados. Nestes dias o arquivo do Conciliador será disponibilizado somente com o header.
GetNet D+1 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Ticket D+30 ajustada ao dia de recebimento do cliente D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Sodexo D+30 ajustada ao dia de recebimento do cliente D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
Stone Cartão de Débito: D+1 - Cartão de Crédito: D+30 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
GlobalCollect Cartão de Débito: D+1 - Cartão de Crédito: D+30   Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta
FirstData Cartão de Débito: D+1 - Cartão de Crédito: D+30 D Pagamentos são realizados de Segunda à Sexta

Registro Header (Tabela III)

Campo Tipo Formato Descrição
Identificador do Registro Numérico (Inteiro) N Constante com valor 1
Identificador da Loja Numérico (Inteiro) N Contém o identificador único da loja no Conciliador
Identificador da Adquirente Numérico (Inteiro) {N} 1 = Cielo
2 = Redecard
3 = Amex
5 = Getnet
6 = Ticket
7 = Stone
8 = Sodexo
9 = Global Payments
10 = First Data
Geração do arquivo Data/Hora ddMMyyyyHHmmss Contém a data e a hora da geração do arquivo pelo Conciliador
Período inicial Data ddMMyyyy Data inicial do período de conciliação contemplado pelo arquivo
Período final Data ddMMyyyy Data final do período de conciliação contemplado pelo arquivo
Número sequencial Numérico (Inteiro) N Número sequencial que indica a ordem de processamento dos arquivos diários
Identificador do tipo de processamento Numérico (Inteiro) {N} 1 = Arquivo diário
2 = Arquivo reprocessado
Descrição do tipo de processamento Alfanumérico A “Daily” ou “Reprocessed” (Diário ou reprocessado)
Versão do arquivo Alfanumérico A Versão do arquivo (“2.0”)

Registro de Transação Conciliada (Tabela IV)

Campo Tipo Formato Descrição
Identificador do Registro Numérico (Inteiro) N Constante com valor 2
Identificador do tipo de conciliação Numérico (Inteiro) {N} 1 = Automática
2 = Manual
Descrição do tipo de conciliação Alfanumérico A “Automatic” ou “Manual”

Registro de Conciliação Manual (Tabela V)

Campo Tipo Formato Descrição
Identificador do Registro Numérico (Inteiro) N Constante com valor 9
Usuario de conciliação manual Alfanumérico) A Login do usuario que efetuou a conciliação manual
Data e hora da conciliação manual Data/hora ddmmyyyyhhmmss Data e hora sm que a conciliação manual foi efeturada pelo usuário

Registro de Informação de Venda (Tabela VI)

Campo Tipo Formato Descrição
Identificador do Registro Numérico (Inteiro) N Constante com valor 3
Identificador Único da Venda no Conciliador Identificador Único Global (GUID) G Identificador único do Conciliador para as informações de venda1
Identificador da Venda no Sistema Transacional Alfanumérico A Identificador da Venda obtido a partir do Sistema transacional no qual a transação foi processada com a Adquirente²
Identificador da Filial Alfanumérico A Identificador da Filial da loja que processou a venda3
Código de Afiliação Alfanumérico A O código de afiliação da adquirente, informado nos dados da venda do cliente
Número do Pedido Alfanumérico A O número do pedido associado à venda no lojista4
Código de Autorização Alfanumérico A O Código de Autorização da transação que o Lojista recebeu da Adquirente
Data da Venda Data ddMMyyyy A data em que foi realizada a venda no lojista
Data da Captura Data ddMMyyyy A data da captura recebida pelo lojista
Valor da transação Numérico (Inteiro) N O valor da transação em centavos5
Número de parcelas Numérico (Inteiro) N A quantidade de parcelas na qual a transação foi dividida
Nome do comprador Alfanumérico A O nome do comprador do produto
Documento do comprador Alfanumérico A Documento de identificador do comprador (RG, CPF, etc.)
E-mail do comprador Alfanumérico A Endereço de e-mail do comprador
Número do cartão Alfanumérico A Número do cartão (crédito ou débito) utilizado na venda
TID Alfanumérico A Identificador da transação e-commerce na Cielo, recebido pelo lojista
NSU Número N Número sequencial da transação na Adquirente, recebido pelo lojista
Valor da taxa IATA Número N Valor da taxa IATA (apenas para setor aéreo), em centavos
Tipo de Integração Alfanumérico A Nome do meio de pagamento utilizado no caso da transação efetuada no gateway Pagador
  1. As informações de venda são as transações enviadas pelo cliente do mundo físico, ou do gateway/sistema transacional utilizado para efetuar as transações. São a primeira parte da conciliação. O Identificador Único da Venda pode ser utilizado para visualizar a venda no WebSite do Conciliador, preenchendo a URL:

https://reconciliation.braspag.com.br/WebSite/Reports/TransactionDetails.aspx?SaleTransactionId=[ID]

Onde o texto [ID] deve ser substituído pelo identificador informado no registro.

  1. O identificador da Venda no Sistema Transacional é o Identificador da Transação que é utilizado pelo sistema que efetuou a venda, seja ele um Gateway ou Sistema de Caixa/POS. Este valor pode ou não ser fornecido durante a importação da venda para o Conciliador. É de responsabilidade do cliente a decisão de informá-lo ou não.
  2. O identificador da Filial deve ser fornecido pelo cliente toda vez que a importação de uma venda é realizada para o Conciliador. Apesar de não haver restrições para o formato do identificador da filial (campo Alfanumérico), é obrigatório que cada Filial possua um identificador único.
  3. O Gerenciamento do Número do Pedido é de inteira responsabilidade do lojista. O Conciliador apenas armazena esta informação, mas nenhum tipo de validação é feito.
  4. O Valor da Transação não é o valor das parcelas. O valor informado aqui é o valor integral da mesma, da forma como informado pelo cliente/gateway.

Registro de Informação da Adquirente (Tabela VII)

Campo Tipo Formato Descrição
Identificador do Registro Numérico (Inteiro) N Constante com valor 4
Identificador Único da Transação no Conciliador Identificador Único Global (GUID) G Identificador Único das informações da Adquirente
Código de Afiliação Numérico N O Código de Afiliação informado na venda do Extrato.
Número do Lote Numérico (Inteiro) N O número do Lote (Resumo de Vendas) ao qual a transação pertence na Adquirente.
Número do Cartão Alfanumérico A O número do cartão usado na compra2
Data da Venda Data ddMMyyyy A data em que a venda foi efetuada, segundo as informações do extrato.
Valor bruto da Transação Numérico (Inteiro) N Valor bruto da transação em centavos.
Valor da taxa de adquirência deduzido da transação Numérico (Inteiro) N Valor deduzido do valor bruto da transação como taxa de adquirência, em centavos.
Valor líquido da transação Numérico (Inteiro) N Valor que será recebido pelo lojista, após a dedução da taxa de Adquirência sobre o valor bruto, em centavos.
Valor bruto da parcela de arredondamento Numérico (Inteiro) N Valor bruto da parcela de arredondamento, em centavos3
Valor da taxa de adquirência deduzido da parcela de arredondamento Numérico (Inteiro) N Valor deduzido do valor bruto da parcela de arredondamento como taxa de adquirência, em centavos.
Valor líquido da parcela de arredondamento Numérico (Inteiro) N Valor que será recebido pelo lojista como valor da parcela de arredondamento, após a dedução da taxa de adquirência.
Valor bruto das demais parcelas Numérico (Inteiro) N Valor bruto das demais parcelas da transação, em centavos.
Valor da taxa de adquirência deduzido das demais parcelas Numérico (Inteiro) N Valor deduzido do valor bruto das demais parcelas como taxa de adquirência, em centavos.
Valor líquido das demais parcelas Numérico (Inteiro) N Valor que será recebido pelo lojista como valor das demais parcelas, após a dedução da taxa de adquirência.
Taxa de adquirência Numérico (Inteiro) N A taxa de adquirência sobre a transação
TID Alfanumérico A O identificador da transação ecommerce na adquirente Cielo.
NSU Numérico (Inteiro) N O número sequencial da transação na Adquirente
Valor da taxa IATA Numérico (Inteiro) N O valor da taxa IATA (apenas para setor aéreo), cobrado sobre a transação, em centavos.
Número do Pedido Alfanumérico A O Número do Pedido recebido pela adquirente durante a concretização da transação.
Número lógico do Terminal Alfanumérico A O número do terminal utilizado para efetuar a transação.
Data de Captura Data ddMMyyyy A data da captura da transação na Adquirente.
Identificador Único do Lote Numérico (Inteiro Longo) N O identificador único do Lote (Resumo de Vendas) na adquirente Cielo
Quantidade de Parcelas Númerico (Inteiro) N A quantidade de parcelas na qual a transação foi dividida na Adquirente.
Código de Autorização Alfanumérico A O código de autorização da transação informado pela adquirente.
Identificador do Meio de Captura Numérico (Inteiro) N O identificador do meio tecnológico utilizado para capturar a transação na Adquirente5
Descrição do Meio de Captura Alfanumérico A A descrição do meio tecnológico utilizado para capturar a transação na Adquirente5
Identificador da Bandeira Numérico (Inteiro) N O identificador da bandeira do cartão utilizado para efetuar a transação6
Nome da Bandeira Alfanumérico A O nome da bandeira do cartão utilizado para efetuar a transação6
Identificador do tipo de cartão Numérico (Inteiro) N O identificador do tipo do cartão: - 1: Debit - 2: Credit
Nome do tipo de cartão Tipo de cartão A O nome do tipo do cartão utilizado para efetuar a transação
Código de Identificação do Produto na Cielo Numérico (Inteiro) N O código que identifica o Produto da Adquirente Cielo utilizado para efetuar a transação7
Descrição do Produto na Cielo Alfanumérico A A descrição do Produto na Adquirente Cielo utilizado para efetuar a transação7
  1. As informações da adquirente são os dados da venda que o Conciliador recebe dos extratos eletrônicos, o meio de integração da adquirente com os sistemas externos. São a segunda parte da conciliação. O Identificador Único da Transação pode ser utilizado para visualizar a venda no WebSite do Conciliador, preenchendo a URL:

https://reconciliation.braspag.com.br/WebSite/Reports/TransactionDetails.aspx?AcquirerTransactionId=[I D]

Onde o texto [ID] deve ser substituído pelo identificador informado no registro.

  1. Devido à restrições de segurança, o número do cartão será informado de forma mascarada.
  2. Quando uma transação é dividida em uma quantidade de parcelas onde o valor não pode ser distribuído igualmente entre as parcelas, surge a necessidade de colocar um valor extra em uma parcela específica. Esta parcela é chamada de parcela de arredondamento. Como exemplo, podemos adotar uma transação de R$ 100,00 dividida em três parcelas. Se a primeira parcela for a parcela de arredondamento, ela terá o valor de R$ 33,34 – enquanto as duas outras parcelas terão o valor de R$ 33,33.
  3. A taxa de adquirência normalmente é expressa em porcentagem. O campo demonstra essa porcentagem multiplicada por 100. Portanto, se o valor deste campo for expresso como 275, isto indica uma taxa de adquirência de 2,75%.
  4. Tabelas com os meios de captura informados estão disponíveis no Apêndice do Manual.
  5. Uma tabela com as bandeiras disponíveis está disponível no Apêndice do Manual.
  6. Uma tabela com os tipos de produto está disponível no Apêndice do Manual.

Registro de Evento

Campo Tipo Formato Descrição
Identificador do Registro Numérico (Inteiro) N 5 = Evento Financeiro de Transação
6 = Evento Informativo de Transação
7 = Eventos financeiros de Afiliação
8 = Eventos informativos de Afiliação1
Identificador Único do Evento no Conciliador Identificador Único Global (GUID) G O identificador único do do Evento no Conciliador2
Data do evento Data ddMMyyyy A data em que o evento está previsto para ser realizado, ou a data em que foi realizado (no caso de evento realizado)
Identificador da Categoria de Evento Numérico (Inteiro) N O identificador da categoria do evento3
Descrição da Categoria de Evento Alfanumérico A A descrição da categoria do evento3
Identificador do Tipo de Evento Numérico (Inteiro) {N} 1 = Realizado
2 = Previsto
3 = Pendente
Descrição do Tipo de Evento Alfanumérico A “Preview”, “Realized” ou “Pending”
Código de Afiliação Numérico N O código de afiliação do estabelecimento no qual o evento foi executado
Parcela da Transação Numérico N A parcela da transação a qual o evento se refere4
Valor Bruto Numérico N O valor financeiro do evento contemplado, antes da dedução da taxa de adquirência, em centavos.
Valor Líquido Numérico N O valor líquido do evento, após a redução da taxa de adquirência, em centavos.
Valor da Taxa Numérico N O valor da taxa de adquirência sobre o evento, em centavos
Banco Numérico N O código do banco do domicílio bancário sobre o qual o evento financeiro é ou será lançado
Agência Numérico N O código da agência do domicílio bancário sobre o qual o evento financeiro é ou será lançado
Número da Conta Alfanumérico A O número da conta do domicílio bancário sobre o qual o evento financeiro é ou será lançado
Código do Ajuste Alfanumérico A O código que identifica o tipo de ajuste (apenas para eventos de ajustes)
Descrição do Ajuste Alfanumérico A A descrição do ajuste (apenas para eventos de ajustes)
Número da Operação de Antecipação na Cielo Numérico N O número da Operação de Antecipação (apenas para eventos derivados de antecipações na Cielo)
Data original de pagamento Data ddMMyyyy A data original para a qual o evento de pagamento estava previsto (apenas para eventos de antecipações)
Número do Lote Numérico N O número do Lote (Resumo de Vendas) ao qual o evento pertence (Somente disponível no CSV a partir do dia 16/04/2018)
  1. Os eventos são divididos em 2 tipos: Eventos financeiros são eventos que informam cobranças ou pagamentos na agenda financeira da adquirente com o lojista. Eventos informacionais são avisos de alterações na agenda (reagendamentos de eventos financeiros) ou outras informações não financeiras (captura de transação). Além disso, eles podem estar ligados à transações ou não. Caso estejam ligados à transações, eles aparecerão logo abaixo dos registros de transações aos quais se referem. Caso contrário, serão mencionados no final do arquivo. Utilize corretamente o identificador do registro para saber como tratar estes eventos pela sua ligação.
  2. O Identificador Único do Evento pode ser utilizado para visualizar os dados do evento no WebSite do Conciliador, preenchendo a URL: https://reconciliation.braspag.com.br/WebSite/Reports/EventDetails.aspx?Id=[ID] Onde o texto [ID] deve ser substituído pelo identificador informado no registro.
  3. Uma tabela com as categorias de evento está disponível no apêndice do Manual.
  4. Certos eventos podem não se referir à uma parcela da transação, como Estornos ou Chargebacks.
    Nesses casos, o campo Parcela da Transação ficará vazio.

Meios de Captura

Cielo

Código/Identificador Descrição
1 POS
2 PDV/TEF
3 E-Commerce
4 EDI
5 ADP/BSP
6 Manual
7 URA/CVA
8 Mobile
9 Moedeiro Eletrônico

Amex

Código/Identificador Descrição
1 Rede AE – Manual
2 Rede AE – EDI
3 Rede AE – BSP
4 Rede AE – TEF
11 Cielo – POS
12 Cielo – TEF
13 Cielo – Autorização Manual
14 Cielo – URA
15 Cielo – EDI
16 Cielo – GDS
17 Cielo – E-Commerce
18 Cielo – Mobile
99 Legado – Versão anterior do extrato

Rede

Código/Identificador Descrição
1 Manual
2 POS
3 PDV
4 TO
5 Internet
6 Leitor de Trilha
9 Outros

GetNet

Código/Identificador Descrição
0 TEF
1 POS
2 Manual
3 Internet

Outros

A tabela abaixo é valida para:

Observação: Para a adquirente Losango o campo é enviado “vazio”

Código/Identificador Descrição
0 N/D
1 N/A
2 POS
3 PDV/TEF
4 E-Commerce
5 EDI
6 Manual
7 Mobile
8 Outros

Bandeiras

Código/Identificador Descrição
0 Desconhecido/Indefinido
1 VISA
2 Mastercard
3 ELO
4 Diners
5 Cabal
6 Hipercard
7 Amex
8 Sicred
9 Cup
10 Agiplan
11 Banesecard
12 SoroCred
13 CredSystem
14 Esplanada
15 CredZ
16 Losango
17 AVista
18 Hiper
19 JCB
20 Aura
21 Alelo
22 Ticket
23 Sodexo

Tipos de Produtos

Cielo

Código/Identificador Descrição
1 Agiplan crédito à vista
2 Agiplan parcelado loja
3 Banescard crédito à vista
4 Banescard parcelado loja
5 Esplanada crédito à vista
6 CredZ crédito à vista
7 Esplanada parcelado loja
8 Credz parcelado loja
9 Elo Crediário
10 MasterCard crédito à vista
11 Maestro
12 MasterCard parcelado loja
13 Elo Construcard
14 Elo Agro Débito
15 Elo Agro Custeio
16 Elo Agro Investimento
17 Elo Agro Custeio + Débito
18 Elo Agro Investimento + Débito
19 Discover crédito à vista
20 Diners crédito à vista
21 Diners parcelado loja
22 Agro Custeio + Electron
23 Agro Investimento + Electron
24 FCO Investimento
25 Agro Electron
26 Agro Custeio
27 Agro Investimento
28 FCO Giro
33 JCB
36 Saque com cartão de Débito VISA
37 Flex Car Visa Vale
38 CredSystem crédito à vista
39 CredSystem parcelado loja
40 Visa Crédito à Vista
41 Visa Electron Débito à Vista
42 Visa Pedágio
43 Visa Parcelado Loja
44 Visa Electron Pré-Datado
45 Alelo Refeição (Bandeira Visa/Elo)

Getnet

Código/Identificador Descrição
1 Título
2 Convênio
3 Crédito Digital
00/CE Cupom Eletrônico
CP Cupom Papel
SM Cartão de Crédito MASTERCARD
SV Cartão de Crédito VISA
SR Cartão de Débito MAESTRO
SE Cartão de Débito VISA ELECTRON
PV Pagamento Carnê – Débito VISA
ELECTRON  
PM Pagamento Carnê – Débito MAESTRO
PR Pagamento Recorrente

Stone

Código/Identificador Descrição
1 Crédito Visa
2 Crédito Master
4 Crédito Elo
15 Crédito Hipercard
35 Mastercard Maestro
36 Visa Electron
38 Débito Elo
39 Débito Hipercard

Global Payments

Código/Identificador Descrição
1 Crédito Visa
2 Crédito Master
35 Mastercard Maestro
36 Visa Electron

First Data

Código/Identificador Descrição
1 Crédito Visa
2 Crédito Master
4 Crédito Elo
11 Crédito Cabal
35 Mastercard Maestro
36 Visa Electron
37 Débito Cabal
38 Débito Elo

Ticket

Código/Identificador Descrição
24 Ticket Refeição
25 Ticket Alimentação
26 Ticket Parceiro
27 Ticket Cultura

Sodexo

Código/Identificador Descrição
28 Sodexo Refeição
29 Sodexo Alimentação
30 Sodexo Gift
31 Sodexo Premium
32 Sodexo Cultura

Categorias de Evento

Código/Identificador Descrição
1 Ajuste
2 POS
3 Captura
4 Pagamento
5 Pgto. Lote
6 Aceleração
8 Estorno
9 Chargeback
10 Antecipação
11 Antecip. Lote
13 Reagendamento
14 Custo de Operação de Antecipação
15 Valor Retido
16 Pagamento de Valor Retido
17 Débito de Valor Retido
19 Arredondamento de Parcelas
20 Estorno Antecipado
21 Ajuste Indefinido
22 Débito Acumulado
25 Pagamento de Aceleração Antecipada
26 Débito de Antecipação de Aceleração
29 Antecipação de Chargeback
30 Antecipação de Aluguel de POS
31 Antecipação de Ajustes Lote
32 Antecipação de Estornos Lote
33 Antecipação de Chargeback Lote

Webservice Conciliador

Webservice é uma solução para integrar aplicações. Por meio dele, qualquer sistema pode se conectar para consultar ou inserir dados. Atualmente no Webservice do Conciliador é possível enviar o arquivo de vendas externas e baixar o conteúdo dos Arquivos de Fluxo de Caixa.

Inicialmente o acesso deverá ser liberado pela equipe de operações, através do e-mail, senha e o cadastro dos IPs informados pelo estabelecimento.

O Webservice está disponível através da URL:

https://reconciliation.braspag.com.br/WebServices/ReconciliationFilesWebService.asmx

Método: GetExportedFileV2

Request

   
      
      
         
            
            [Guid aleatório]   
            [Login do usuário da loja]   
            [Identificador da loja, fornecido pela Braspag]   
            [Identificador da adquirente]   
            [Senha do usuário da loja]   
            [Data de referência do arquivo]   
            [Extensão do arquivo]   
            [Tipo do arquivo]   
            
         
     
Descritor Significado Exemplo
RequestId Identificador Único Global (GUID) 4749e676-2507-442da1c6c25c08e2d2af
RequestingUserName Login do usuário da loja user@braspag.com.br
MerchantId Identificador da loja no Conciliador 123
AcquirerId Identificador da adquirente 1=Cielo
2=Rede
3=Amex
4=Losango
5=Getnet
RequestingPassword Senha do usuário da loja Braspag@2015
ReferenceDate Data de referência do Arquivo (yyyy-mm-dd) 12/06/2015
FileExtensionType Formato do Arquivo 1=CSV
2=XML
FileType Tipo de Arquivo 1=Arquivo de Conciliação

Response


--Bem sucedido

       
         
            
            124be5db-a809-47e1-b456-1f2e103caa17   
            true                  
             QXJxdWl2byBkZSB0ZXN0ZSBjb25jaWxpYWRvcg==   
            
         
      
   

-- Mal Sucedida   

       
         
            
            124be5db-a809-47e1-b456-1f2e103caa17   
            false   
               
                  
                  44   
                  Acesso não autorizado do IP para a loja fornecida na requisição.   
               
            
         
      
   
Descritor Descrição Exemplo
CorrelatedId GUID enviado na requisição 4749e676-2507-442d-a1c6-c25c08e2d2af
Success Indica se a operação foi concluída. false/true
ErrorReportCollection Coleção de erros que será retornada em caso de Sucess=”false” ErrorReport.Code = 39,ErrorReport.Message = “Erro interno do sistema”.
ErrorReport.Code Código de erros para Sucess=”false” 39/44/46
ErrorReport.Message Mensagem de erro correspondente ao código informado 39 - Erro interno do sistema.
44 - Acesso não autorizado, IP não cadastrado
46 - Usuário incorreto, e/ou não tem acesso a loja.
FileContent Para requisições com Sucess=”true”, será enviado o conteúdo binário codificado na base64 UTF-8 QXJxdWl2byBkZSB0ZXN0ZSBjb25jaWxpYWRvcg==

Apêndice:

Utilizando o arquivo de Schema Definition (XSD)

Uma forma de integração com o Arquivo de Fluxo de Caixa do Conciliador no formato XML de maneira programada ou automática, é feita através do arquivo de definição de esquema, ou XML Schema Definition File.

O XML Schema é uma linguagem baseada no formato XML para definição de regras de validação (“esquemas”) em documentos no formato XML. Foi a primeira linguagem de esquema para XML que obteve recomendação por parte do W3C. Esta linguagem é uma alternativa ao DTD, cuja sintaxe não é baseada no formato XML.
Foi amplamente utilizado para desenvolvimento da NF-e (Nota Fiscal Eletrônica) Brasileira.

Um arquivo contendo as definições na linguagem XML Schema é chamado de XSD (XML Schema Definition), este descreve a estrutura de um documento XML.

O conciliador possui arquivos XSD para cada um de seus arquivos em XML. Desta forma, é possível, programaticamente compreender a estrutura do XML, supondo que o arquivo XSD seja corretamente interpretado pela ferramenta.

Neste manual, não serão citadas todas as formas de se trabalhar com o arquivo, entretanto, podemos demonstrar, através da utilização de uma ferramenta provida pela IDE de desenvolvimento Visual Studio, como gerar, programaticamente uma Classe em código-fonte que pode representar o conteúdo do arquivo.

Desta forma, será possível deserializar o conteúdo de qualquer arquivo dentro desta classe, e com isto utilizar os arquivos de conciliação em um sistema com código orientado a objetos.

Criando a classe do arquivo por meio do arquivo de definição de esquema
Com os arquivos de definição de esquema, você deverá utilizar uma ferramenta que pode ser acessada à partir da linha de comando da IDE do Visual Studio (Visual Studio Command Prompt). O nome do executável é “xsd” (sem aspas).

O executável possui uma série de parâmetros para customizar a geração da sua classe a partir do arquivo de definição de esquema. Caso você queira ver todas as opções, consulte a URL https://msdn.microsoft.com/en-us/library/x6c1kb0s(v=VS.100).aspx.
No exemplo abaixo, utilizamos o comando para gerar a classe da forma mais básica. Acesse o diretório onde os arquivos de esquemas estão salvos(normalmente são dois arquivos, “ConciliationFile.xsd” e “Guid.xsd”), usando o comando CD do DOS. Uma vez dentro deste diretório, basta executar o comando conforme abaixo: xsd

ConciliationFile.xsd Guid.xsd /classes

Um exemplo do efeito disto na linha de commando é demonstrado na imagem abaixo. A classe gerada terá o nome “ConciliationFile_Guid.cs”. Esta classe pode ser inserida em um projeto na linguagem C#, e com algumas alterações pode representar o conteúdo do arquivo por meio de deserialização.
Consulte o suporte de sua linguagem de desenvolvimento para verificar se a mesma possui algum tipo de automatização para interpretar a leitura do arquivo em XML. Isto pode facilitar seu processo de desenvolvimento e aprendizado do layout do mesmo